,

,

cinepoema longo

clicar youtube para écran inteiro

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

AS VIBRAÇÕES DO AR

 ,
As vibrações do ar pronunciam a palavra  
num grito claro
de outras vozes, as nossas
-
que ressoam do interior de outros e de ontem
no seu próprio reverberar
.
como num rumor o silêncio audível
por cima do tempo breve que o prolonga
em muros persistentes
.
Mas dele se ouve apenas um eco
do interior processar das imagens
-
o nosso próprio reverberar de ecos
- processador de símbolos
.
inédito