,

,

cinepoema longo

clicar youtube para écran inteiro

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

O FRIO DOS DIAS

 .
Do que eu falo
 .
Falo das pedras
falo dos passos
falo das noites
rente ao rio.
 .
Falo das coisas
falo das falas
falo das asas
de fogo e cio.
 .
Falo das folhas
falo da morte
falo do canto
de amor e frio.
.
Poema inicial de "O Frio dos Dias", esg.