,

,

cinepoema longo

clicar youtube para écran inteiro

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

AS NOITES E OS DIAS


"AS NOITES E OS DIAS" ACABA DE SER PUBLICADO.
Eis 2 poemas do livro.

20 – Os átomos do corpo


Os átomos do corpo encerram um mistério
da física.

Desluzidas criaturas de energia e vácuo
como vos cresceu essa paixão
de amores e adornos
o verde das árvores
a dor pela degenerescência dos frutos?

Donde vem esse propósito de compor desígnios
inteligentes de palavras?

A tua matemática de conteúdos geométricos
de tempo, espaço, drama
provável numa gota de água que cai
sobre o pedestal altivo das nossas cabeças?



8 – Apetece-me escrever


Apetece-me escrever uma coisa qualquer
que não sirva para nada
uma coisa qualquer sem sentido nenhum

para que depois outros digam
que ando a escrever coisas sem nenhum sentido

Prefiro escrever coisas ditas sem sentido nenhum
do que procurar dar um sentido
a tudo quanto se escreve
e que não tem sentido nenhum.